Viagens sustentáveis

Durante muito tempo, o turismo foi considerado uma indústria sem impactes sociais e ambientais negativos. Felizmente as coisas evoluíram e hoje em dia cada vez mais pessoas estão a tomar consciência do saldo frequentemente negativo do turismo e das suas implicações, tanto para as pessoas como para o planeta. Isto realça a importância de modificar a indústria das viagens no sentido de oferecer alternativas de baixo impacte às férias tradicionais: alternativas que envolvam escolhas claras e conscientes sobre como escolhemos viajar, onde ficamos e o que consumimos, de maneira a que essas escolhas não resultem em danos e que quando possível tenham saldos positivos a nível económico, social e ambiental nos destinos de férias. Tais impactes positivos podem traduzir-se de muitas formas, como a criação de emprego, o apoio às necessidades de desenvolvimento da comunidade local, a redução da degradação ambiental ou a melhorar a conservação dos recursos naturais e culturais.

Como saber se um destino é sustentável?
Organizações internacionais como o Global Sustainable Tourism Council das Nações Unidas, trabalham para promover o turismo sustentável e definir um conjunto de padrões de sustentabilidade ambiental, socio-económica e cultural de hóteis, alojamentos e agências de viagens e reconhecem empresas de certificação cujos critérios de avaliação estão de acordo com esses padrões internacionais - e que por sua vez sao responsáveis por certificar destinos e operadores que cumprem esses mesmos critérios. O processo de certificaçãoo inclui avaliações por terceiros, através de um processo de auditoria "in loco". Quando se verifica que são cumpridos os critérios internacionais de sustentabilidade,  é atribuido um selo de garantia que reflete o nível de compromisso de cada empresa com a sustentabilidade, e que é facilmente indentificado pelo publico em geral.

A Quinta do Bom Despacho está certificada como alojamento sustentável?

SIM! Cumprimos mais de 400 critérios que atestam a nossa responsabilidade económica, ambiental e social. Somos certificados a nível GOLD pelo Green Growth 2050 Global Standard, tendo em 2017 atingido um score de compliance de 93,78% - um dos mais altos do mundo! Isto faz de nós uma referência internacional na oferta turística de alojamento sustentável. As nossas métricas são robustas, e orientadas para o atingir de objetivos bem definidos - a sustentabilidade faz parte intrínseca de tudo o que concebemos e almejamos, portanto a certificação não nos é penosa (mas dá bastante trabalho!). 

Aliás, as visitas de auditoria são sempre momentos de aprendizagem, construção de equipa e trabalho feliz!

Fazemos, em colaboração com a Universidade dos Açores, inquéritos de satisfação aos nossos clientes onde temos verificado que o elemento da sustentabilidade é muito significativo como fator de decisão no momento da reserva, mas também (e disto temos mesmo muito orgulho!) que os nossos hóspedes se sentem inspirados com a estadia e que levam consigo motivação e ideias práticas para aplicar no seu dia-a-dia doméstico e de trabalho. 

A certificação é validação externa do nosso compromisso com o Desenvolvimento Sustentável, da nossa responsabilidade perante as gerações futuras. 

Em qualquer estadia, passeio pela Quinta ou atenção aos pormenores irá perceber que esse compromisso se respira em tudo o que fazemos!